Jane Seymour, nome artístico de Joyce Penelope Wilhelmina Frankenberg, nasceu em Middlesex, Inglaterra, no dia 15 de fevereiro de 1951. Famosa ao interpretar a amada de Christopher Reeve, Elise McKenna, no filme "Em Algum Lugar do Passado" (1980), Jane Seymour é uma séria concorrente com Patty Duke pelo título de "Rainha dos filmes de televisão" nos Estados Unidos. Seymour é filha de um obstetra britânico e sua esposa holandesa. Graças à sua mãe, a atriz fala fluentemente holandês e demonstrou essa qualidade durante uma entrevista para a televisão da Holanda.

Mais conhecida como uma "Bond girl", do filme de James Bond "Live and Let Die" (1973), e estrela da série de televisão americana "Dr. Quinn, Medicine Woman" (1990). Seymour, com uma longa carreira atuando em cinema e televisão, estreou em 1969 na versão de Richard Attenborough do filme "Oh! What a Lovely War". Logo depois ela se casou com filho de Attenborough, Michael Attenborough. Seu primeiro grande papel no cinema foi como Lillian Stein, uma judia que procura refúgio dos nazistas, com uma família dinamarquesa, no drama de guerra "The Only Way" (1970).

Casada quatro vezes, a primeira com Michael Attenborough (1971 a 1973), em seguida com Geoffrey Planer (1977 a 1978), seu terceiro marido foi David Flynn (1981 a 1992) com quem teve dois filhos e está casada com James Keach desde 1993 e também teve dois filhos com ele. Christopher Reeve era padrinho de um dos seus filhos, Kristopher. Tornou-se cidadã americana e trabalha para várias entidades de caridade, entre eles, a UNICEF. Bela mulher em todos os sentidos!

09/03/2001 - JANE SEYMOUR FAZ CAMPANHA CONTRA PESTICIDAS
A atriz Jane Seymour está liderando uma campanha nos Estados Unidos para alertar os pais contra os riscos para a saúde das crianças pela exposição perigosa a pesticidas. A campanha, Care for Kids, tem como objetivo ensinar aos pais sobre as medidas que podem ser tomadas para proteger seus filhos de pesticidas potencialmente perigosos. "Estou envolvida com problemas relativos às crianças há anos. Estou alarmada que milhões e milhões de pesticidas são vendidos e usados indiscriminadamente nos lares, escolas e clínicas infantis, colocando nossos filhos em perigo", disse Seymour, mãe de seis filhos.

14/09/2010 - Jane Seymour e Joe Lando Juntos Novamente
Lembram de “Dra. Quinn, a Mulher que Cura”? Sucesso dos anos 90, a série teve seis temporadas apresentando a luta da Dra. Mike (Jane), apelido de Michaela, para manter sua profissão e sua família em pleno Velho Oeste. Um dos pontos altos da série era o romance entre a doutora e Sully (Joe Lando), um homem branco que vivia como um Cheyenne. O cancelamento prematuro da série em 1998 forçou a CBS a produzir dois telefilmes, um em 1999 e outro em 2001. Desde então, Jane Seymour e Joe Lando seguiram com suas carreiras em trabalhos na TV e no teatro.

Em 2008, Jane estrelou “Dear Prudence”, piloto de uma nova série de telefilmes de mistérios do canal Hallmark. Apesar da boa receptividade, o canal não chegou a anunciar na época a produção de novas histórias estreladas por Prudence McCoy (Jane), a apresentadora de um programa do tipo ‘aprenda a fazer sozinha’, que consegue solucionar mistérios. Agora, dois anos após a exibição do piloto, o Hallmark anuncia a produção de um novo telefilme estrelado pela personagem. Ainda não há informações de que tenha sido aprovada a produção de uma série, mas o telefilme “At Home with Prudence” é anunciado como uma continuação do telefilme “Dear Prudence”. De qualquer forma, o telefilme irá reunir Jane Seymour e Joe Lando, que fará uma participação especial na história.

02/11/2010 - Jane Seymour em excelente forma aos 59
Jane Seymour foi uma das convidadas de honra da celebração do 200º episódio do concurso televisivo «Dancing With The Stars» (equivalente ao nosso «Dança Comigo»). A atriz de 59 anos exibiu uma boa forma invejável, mantendo a silhueta esguia que sempre a caracterizou e irradiando juventude e felicidade. A Dra. Quinn, que também mantém o cabelo comprido como imagem de marca explicou recentemente no programa de Nigella Lawson a irredutibilidade em mudar de visual: «Resisti à tendência de cortar o cabelo quando comecei a envelhecer. Na verdade, foi por uma questão prática porque não tenho paciência para arranjá-lo demoradamente e, quer acreditem quer não, para mim é muito fácil manter o cabelo assim, saio do banho e já está!».

Veja outra foto de Jane Seymour


Filmografia
1969: Oh! Que Bela Guerra! (Oh! What a Lovely War)
1973: 007 Viva e Deixe Morrer (Live and Let Die)
1973: Henrique VIII e suas Seis Esposas (Henry VIII & His Six Wives)
1973: A Verdadeira História de Frankenstein (F: the True Story)
1977: Sinbad e o Olho do Tigre (Sinbad and the Eye of the Tiger)
1977: Assassino a Bordo (Killer on Board)
1978: Cruzeiro do Terror, Galáctica (Battlestar: Galactica)
1980: O Cachorro Detetive/Cachorro Divino (Oh, Heavenly Dog!)
1980: Em Algum Lugar do Passado (Somewhere in Time)
1981: Vidas Amargas (East of Eden)
1983: O Fantasma da Ópera (Phantom of the Opera)
1984: Espelho da Alma (Dark Mirror)
1984: Lassiter, Um Ladrão Quase Perfeito (Lassiter)
1986: Executivos em Apuros (Head Office)
1988: Jack, O Estripador (Jack The Ripper)
1988: Lembranças da Guerra (War and Remembrance)
1988: O Maior Romance do Século (The Woman He Loved)
1990: Anjo da Morte (Intimate Terror: Angel of Death)
1991: Lembranças da Meia-Noite (Memories of Midnight)
1992: Arizona 44 Graus (Sunstroke)
1993: Heidi (idem)
1998: As Novas Aventuras da Família Robinson (The New Swiss Family Robinson)
1998: A Espada Mágica - A Lenda de Camelot (Quest for Camelot) - voz
1999: Uma Lembrança no Meu Coração (A Memory in My Heart) - TV
2000: Assassinato no Espelho (Murder in the Mirror) - TV
2000: Minha Vida na Outra Vida (Yesterday's Children) - TV
2005: Penetras Bons de Bico (The Wedding Crashers)
2007: Acompanhados (After Sex)
2011: Amor, Felicidade ou Casamento (Love, Wedding, Marriage)
2011: Uma Família Nada Comum (The Family Tree)


A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

WZ

 
 
 
 
        Jane Seymour        
• fechar janela •