Jackson Antunes nasceu em Janaúba, MG, no dia 28 de agosto de 1960. Jackson Antunes começou a carreira trabalhando em circos e no teatro amador. O primeiro CD, Jackson Antunes canta Téo Azevedo, foi gravado em 1998. O ator estreou na televisão em 1993, como o Damião, da novela "Renascer", em que fazia par romântico com Eliana, personagem de Patrícia Pillar. Desde então atuou em diversas produções, com destaque para a novela "O Rei do Gado", no papel de um líder sem terra.

Na televisão, quase sempre, ele mantém a imagem do caboclo do Interior, sertanejo brabo. Mas o ator Jackson Antunes não faz cena. Mineiro do Vale do Jequitionha, quase nordestino, portanto, ele realmente é identificado com suas origens "regionais", a ponto de transcender a ligação com suas raízes através das músicas caipiras de Tião Carreiro, Téo Azevedo e Luiz Gonzaga. Ter começado a encenar no picadeiro, além da oportunidade de exercitar sua voz, trouxe outro elemento fundamental para a trajetória de Jackson: o contato direto com o público, um cenário muito próximo ao que desenvolveria no teatro. Seu avô foi grande aboiador e, ironicamente, faleceu no mesmo dia em que Jackson Antunes nasceu.

Jackson Antunes começou a trabalhar com pouca idade no campo. Trabalhou também como engraxate, servente de pedreiro, padeiro, cobrador de ônibus e pintor letrista. Ainda na infância, Jackson acompanhava de porta em porta as Folias de Reis típicas do Norte Mineiro. Quando seu irmão gêmeo nasceu, morreu de tétano e seu verdadeiro nome de batismo é Joaquim e, ao ouvir a música "Jack, o Matador" da dupla Léo Canhoto e Robertinho, mudou seu nome para Jackson. Com oito anos de idade, Jackson apaixonou-se pelo circo, local onde dirigia e atuava em dramas que eram de sua autoria. Na sua cidade natal, Jackson também escrevia poemas para o jornal O Gorutuba. Passou também pelo teatro amador e, mais tarde, pelo teatro profissional, já em Belo Horizonte.

Com mais de trinta peças encenadas, todas de autores brasileiros, Jackson Antunes também teve aulas de canto com o professor José Spinto, que também era primo de Gilda Abreu, esposa do cantor Vicente Celestino. Além de atuar, Jackson também é cantor, compositor, toca viola caipira, já gravou vários CDs e já fez vários shows no Brasil e no exterior. Jackson fez um teste para a TV em 1988, mas foi somente em 1991 que ele recebeu o convite do diretor Luiz Fernando Carvalho, para estrear na novela "Renascer", na qual interpretou o jagunço Damião. Sucesso de público e de crítica, ganhou vários prêmios, dentre eles o Troféu Imprensa e o Prêmio APCA (da Associação Paulista dos Críticos de Arte). Em 2010, fez sua estreia como diretor com o filme "A Tímida Luz de Velas das Últimas Esperanças". É casado com a atriz Cristiana Britto, com quem tem um filho e também tem duas filhas de seu primeiro casamento.

14/11/2012 - Jackson Antunes passa por constrangimento
Jackson Antunes passou por um momento de total constrangimento. De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, o ator foi convidado, pela primeira vez, para participar das gravações das mensagens de fim de ano da emissora, mas seu nome foi esquecido durante a marcação das posições que cada um deveria ocupar em cena. Segundo a publicação, Jackson contou o fato nas redes sociais e disse ainda que quando estava se retirando de cena para voltar para casa, acabou sendo convencido por Nívea Stelmann a ficar.

03/01/2013 - Jackson Antunes renova com a Globo e pode emplacar projeto na emissora
Jackson Antunes está longe da telinha, com um grande personagem, desde 2008, quando interpretou o terrível Leonardo, em "A Favorita", um marido grosseiro que vivia batendo em sua mulher, Catarina (Lilia Cabral). Jackson afirmou que, desde então, tem tocado alguns projetos pessoais, renovou seu contrato com a Globo e aposta em um projeto de um seriado que está sendo analisado pela emissora e pode emplacar.

"É um seriado chamado 'Charles & Bronson' (risos). Por causa dessa história das pessoas me dizerem que lembro o Charles Bronson, sabe. Então é uma história de dois irmãos que nasceram no mesmo dia e receberam esses nomes, pois o pai era apaixonado pelo ator. Estamos mostrando isso à casa e estão vendo tudo com bons olhos, Quem sabe?"

Fora isso, continuo viajando com o espetáculo "Coração Caipira". É um espetáculo que não sai de moda (risos). Falo coisas da terra, conto causos, canto músicas de raiz. Há anos digo que vou parar e não vou fazer mais estas apresentações, mas, com tantas músicas eletrônicas, das quais eu gosto também, não tenho nada contra, pois creio que existe uma evolução que deve ser acompanhada, fico pensando em parar ou não. E daí, sempre pintam convites e não consigo recusar."

Veja outra foto de Jackson Antunes


Teledramaturgia
1993: Renascer .... Damião
1994: Memorial de Maria Moura (minissérie) .... Valentim
1995: Irmãos Coragem .... delegado Diogo Falcão
1996: O Rei do Gado .... Regino
1997: Você Decide, Enrascada .... Evaldo
1997: Anjo Mau .... Fred
1998: Labirinto (minissérie) .... Teodoro
1998: Pecado Capital .... Marciano
1999: Terra Nostra .... Antenor
2000: Aquarela do Brasil (minissérie) .... major Walter
2001: A Padroeira .... Atanásio
2002: Esperança .... Zangão
2003: Linha Direta .... Chico Vieira
2003: Celebridade .... Fragoso
2004: A Escrava Isaura .... Miguel
2006: Sinhá Moça .... delegado Antero
2007: Amazônia, de Galvez a Chico Mendes (minissérie) .... Bastião
2008: Duas Caras .... ministro da Educação (participação especial)
2008: A Favorita .... Léo
2010: Força-Tarefa .... Lourenço
2010: A Cura .... Carlindo
2012: As Brasileiras .... Reginaldo
2013: Sangue Bom .... Pascoal Gambini


A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

WZ

 
 
 
 
        Jackson Antunes        
• fechar janela •