Elizabeth Savalla, nome artístico de Elizabeth Savalla Casquel, nasceu na cidade de São Paulo, em 23 de novembro de 1955. Elizabeth Savalla começou na televisão, em 1975, aos dezenove anos, diretamente com aquele que é considerado o seu mais importante papel: a Malvina, da novela "Gabriela", de Walter George Durst, baseada no romance "Gabriela, Cravo e Canela", de Jorge Amado, com direção de Walter Avancini. Como a estudante feminista Malvina, Savalla caiu de imediato nas graças do povo brasileiro.

Depois das heroínas sofridas que viveu nos anos 70 - como a taxista Lili, de "O Astro" (1978), e a bailarina Carina de "Pai Herói" (1979), ambas em par lírico com Tony Ramos -, pediu para ser vilã em "Pão Pão Beijo Beijo" (1983). 'Uma vez, seguranças de um shopping tiveram de me proteger', lembra. 'Foi a glória!', brinca a atriz, lembrando que a emissora, a princípio, não acreditava que ela convencesse no papel de má.

Após alguns anos afastada da TV, volta como protagonista da minissérie "Meu Marido" em 1991 e participa em "Sex Appeal" no papel de Margarida. Em 1993 participou em um episódio do programa "Você Decide". Retorna às novelas, como a vingativa Auxiliadora de "Quatro por Quatro", de Carlos Lombardi, entre 1994 e 1995. Logo após, em 1996, interpreta Maria Luísa em "Quem É Você?", novela de Ivani Ribeiro. Em 2001 interpretou a fogosa e glutona beata Imaculada de Avelar, de "A Padroeira".

A seguir, interpretou a excêntrica Jezebel de Canto e Mello, de "Chocolate com Pimenta"; a cética Agnes de "Alma Gêmea"; a vaidosa Rebeca de "Sete Pecados"; a simplória Socorro de "Caras & Bocas"; e a ambiciosa Minerva de "Morde & Assopra". Em 2013, após quase 30 anos, retorna ao horário nobre com mais uma personagem cômica, a vendedora de cachorros-quentes e ex-chacrete Márcia em "Amor à Vida", seu oitavo trabalho consecutivo com Walcyr Carrasco. Faz parte do seleto time das "Divas da Televisão Brasileira", segundo a Revista Contigo, ao lado de nomes como Fernanda Montenegro, Tônia Carrero, Eva Wilma, Lilian Lemmertz e Bibi Ferreira.

No ano de 1978, Savalla foi eleita pelo Fantástico uma das dez mulheres mais bonitas do país, apesar de ser conhecida pela sua pouca vaidade. A atriz é membro há mais de 20 anos da Igreja Messiânica Mundial. Savalla faz parte do seleto time das "Divas da Televisão Brasileira", segundo a Revista Contigo, ao lado de nomes como Fernanda Montenegro, Tônia Carrero, Eva Wilma, Lilian Lemmertz e Bibi Ferreira. A atriz casou-se aos dezenove anos com o ator Marcelo Picchi e tem quatro filhos: Thiago, Diogo, Ciro e Tadeu. Os dois primeiros também são atores. Foi casada ainda por 18 anos com Camilo Átila.

Elizabeth Savalla estudava no Liceu Eduardo Prado quando a atriz Lourdes de Moraes a indicou para a Escola de Artes Dramáticas de São Paulo. Casou-se aos dezenove anos de idade com o ator Marcelo Picchi e deste relacionamento, que durou 11 anos, tem quatro filhos: Thiago Picchi, Diogo, e os gêmeos Ciro e Tadeu. Os dois primeiros também são atores. No ano de 1978, foi eleita pelo Fantástico uma das dez mulheres mais bonitas do país, apesar de ser conhecida pela sua pouca vaidade. É casada ainda desde 1986 com o arquiteto e produtor teatral Camilo Átila.

Sua primeira aparição na televisão aconteceu em 1972 com "A casa fechada", de Roberto Gomes, um teleteatro da TV Cultura, dirigido por Antunes Filho. O ator e diretor Antônio Abujamra a indicou para o Cassiano Gabus Mendes, que queria um rosto novo para protagonizar outro programa da emissora. Em 1975, antes de completar 21 anos, é chamada para fazer aquele que é considerado o seu mais importante papel: Malvina, da novela "Gabriela", de Walter George Durst, baseada no romance "Gabriela, Cravo e Canela", de Jorge Amado, com direção de Walter Avancini. Este papel lhe rendeu o prêmio de melhor revelação da televisão brasileira de 1975 da APCA, além do Troféu Imprensa de personalidade feminina. Durante divulgação da novela em Portugal foi recepcionada no aeroporto pelo primeiro-ministro português na época, Mário Soares.

Logo após "Gabriela", participou de "O Grito", novela de Jorge Andrade. Fez outras personagens marcantes, como a doce irmã Angélica de "Estúpido Cupido", novela de Mário Prata, a desbocada Lili de "O Astro" e a sofrida Carina Limeira Brandão de "Pai Herói", ambas escritas por Janete Clair. Interpreta também, a farsante Marcela de "Plumas e Paetês", de Cassiano Gabus Mendes, a doce Sônia de "O Homem Proibido", trama de Teixeira Filho inspirada em obra homônima de Nelson Rodrigues, a sedutora Bruna, sua primeira vilã, protagonista de "Pão Pão, Beijo Beijo", de Walter Negrão, e viveu outra "mocinha" sofredora com a Isadora de "Partido Alto", novela de estreia da dupla Aguinaldo Silva e Glória Perez. Logo após participou em "De Quina Pra Lua", de Alcides Nogueira, como a manicure Mariazinha, e interpretou Renata em "Hipertensão", de Ivani Ribeiro.

21/09/2010 - Elizabeth Savalla será a vilã de "Dinossauros e Robôs"
A atriz Elizabeth Savalla está confirmada na próxima novela de Walcyr Carrasco, "Dinossauros e Robôs", prevista para substituir "Ti Ti Ti" na faixa das sete em 2011. Ao contrário de Socorro de "Caras & Bocas", sua personagem, Minerva, será uma vilã, descrita como uma mulher muito ambiciosa. Elizabeth é uma das atrizes que mais trabalhou ao lado de Carrasco na Globo. Ela esteve nos últimos cinco folhetins escritos pelo autor: "A Padroeira", "Chocolate com Pimenta", "Alma Gêmea", "Sete Pecados" e "Caras & Bocas". Ao longo de quase 40 anos de carreira na TV, ela esteve em diversas tramas de sucesso, como "Gabriela", "Estúpido Cupido", "O Astro", "Pai Herói", "Hipertensão", "Quatro por Quatro", entre outras.

26/08/2013 - Elizabeth Savalla continua roubando a cena e irrita coleguinha em novela…
A trama de Walcyr Carrasco também tem sido dominada a cada dia por Elizabeth Savalla e Tatá Werneck. As duas são responsáveis pelas melhores (e mais longas) cenas da novela. Além de ótimas atrizes, o autor dá a elas muuuuuito mais espaço do que para outras, o que tem causando saia justa nos bastidores. Uma outra atriz, egocêntrica, anda cada vez mais revoltada por estar sendo ofuscada por Elizabeth Savalla. Ela não aceita que sua colega tenha mais destaque e mais falas. Tudo indica, segundo pessoas que trabalham na produção de "Amor à Vida", que a rejeitada está prestes a um ataque de nervos. Que medo, né? A diferença entre elas é que Elizabeth se preocupa e se concentra em atuar (bem), em vez de ficar criando picuinhas...

05/10/2013 - Elizabeth Savalla se derrete por Tatá Werneck
Se engana quem pensa que a ex-chacrete Márcia, interpretada por Elizabeth Savalla em "Amor à Vida", só sabe preparar hot dogs. Neste sábado, 05, Angélica recebeu a atriz na cozinha do Estrelas. "Vou fazer esse prato em nome da minha personagem", disse Elizabeth, enquanto ensinava o seu precioso estrogonofe de carne para a apresentadora. "Você está tão chefe hoje", brincou Angélica, impressionada com as habilidades de sua convidada na cozinha. Duranto o papo, a atriz se derreteu por Tatá Werneck, que interpreta a divertidíssima Valdirene, sua filha na trama: "Gostamos muito uma da outra. Nós conseguimos criar uma relação de mãe e filha. Ela tem uma vibe maravilhosa."

Veja outra foto de Elizabeth Savalla


Teledramaturgia
1972: A Casa Fechada
1975: O Grito .... Pilar
1975: Gabriela .... Malvina Tavares
1976: Estúpido Cupido .... Irmã Angélica
1977: O Astro .... Lili
1979: Pai Herói .... Carina (Catarina Limeira Brandão)
1980: Plumas e Paetês .... Marcela/Roseli
1982: O Homem Proibido .... Sônia
1983: Pão Pão, Beijo Beijo .... Bruna
1984: Partido Alto .... Isadora
1985: De Quina pra Lua .... Mariazinha
1986: Hipertensão .... Renata
1991: Meu Marido .... Maria
1993: Você Decide, Ser Ou Não Ser
1993: Sex Appeal .... Margarida
1994: Quatro por Quatro .... Auxiliadora
1996: Quem É Você? .... Maria Luísa Maldonado Marcondes Aguiar
1997: A Justiceira .... Ângela
1998: Você Decide, Vida
1999: Você Decide, A filha de Maria
2000: Brava Gente: O casamento enganoso
2000: Você Decide, Oscar Matriz e Filial
2001: A Padroeira .... Imaculada de Avelar
2002: Sítio do Pica Pau Amarelo .... Bruxa Morgana
2003: Chocolate com Pimenta .... Jezebel Canto e Melo
2005: Alma Gêmea .... Agnes Saboya Ávilla Blanco
2007: Sete Pecados .... Rebeca Ferraz
2009: Caras & Bocas .... Socorro Batista
2011: Morde & Assopra .... Minerva Alves
2013: Amor à Vida.... Márcia


A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

WZ

 
 
 
 
        Elizabeth Savalla        
• fechar janela •